Foto de C. Perriand na chaise que criou juntamente com Corbusier

Eu agora deveria estar escrevendo minha monografia e não um post para o novíssimo blog que criamos. Mas como escrever com referências é sempre menos divertido então resolvi expressar meus pensamentos aqui.

Estava outra tarde pensando sobre a vida folheando uma revista e cheguei a seguinte conclusão: existe uma coisa que nos deixa mais tristes do que ver publicações de moda ou beleza. Ver a Casa Vogue.

Quando você está na sala de espera do seu dentista e pega uma “Contigo” para ler logo descobre o mundo das celebridades. Mas não é preciso ter muito conhecimento sobre fotografia e edição para suspeitar que todas aquelas fotos estão cheias de truques. Talvez aquela cantora não tenha o cabelo tão bom assim ou aquele ator não tenha os músculos tão definidos.

Revistas de moda, a pesar de muitas vezes provocarem depressão profunda em seus leitores, podem ser desmistificadas com argumentos como: talvez aquela roupa não fique tão bem em mim, ou, talvez eu pareça uma palhaça com aquele Manolo (Ok! esses argumentos não servem).

Mas caros amigos… um ambiente decorado de uma Casa Vogue só demonstra a realidade nua e crua: você é pobre e não tem uma casa assim. Fato: aquelas fotografias podem ter iluminação perfeita ou serem photoshopadas mas elas não tornam mais bonito aquilo que é feio, como fazem com a Suzana Viera. Elas realçam a beleza daquilo que já é perfeito e que você só não tem porque ao invés de escolher ser médico ou ser casado com príncipe Carl você escolheu ser designer, achando por algum momento que isso permitiria que você tivesse um design assinado na sua sala.

Claro, não precisamos cortar os punhos agora. Somente temos de nos contentar com coisas mais baratas, mais acessíveis e nem sempre mais feias. Afinal, somos designers e nossa faculdade deverá ao menos nos servir para conseguirmos fazer com que coisas vagabundas tenham um ar mais cool e pareçam mais caras do que realmente são.

 

Por: Agrado

*o título é uma paráfrase de Andrea Caracortada em seu blog pessoal.

Anúncios