Isso me lembrou aquela história de tocar o disco da xuxa ao contrário para ouvir o demônio ou coisa assim… Nunca tentei, mas pelo menos pensar os filmes “ao contrário” é divertido. E meio bobo também, verdade, mas o da pretty woman é muito bom.

Mais aqui e aqui.

Manu.

Anúncios