Mafalda é um dos personagens mais cativantes das tirinhas dos jornais. Criada em 1964 pelo cartunista argentino Quino, teve suas histórias publicadas em diversos periódicos ao longo de uma década. Dotada de um humor sarcástico, Mafalda sempre foi preocupada com a humanidade, a paz e com a situação do estado. Selecionei as frases mais marcantes dela e que mais condizem com o meu, e provavelmente seu, estado de espírito:

“Pobrezinha, fizeram de você um mero capacho para limpar os pés antes de entrar no Universo” (Mafalda, sobre a lua)

“Se a vida começa aos 40, por que nascemos com tanta antecedência?”

“Se o Fidel dissesse que é boa, todos diriam que a sopa é ruim!”

“Coitado.” (Mafalda, após saber que Deus está em todos os lugares)

“Se é uma questão de títulos, eu sou sua filha. E nos diplomamos no mesmo dia! Ou não?”

“Boa noite mundo! Boa noite e até amanhã, mas fique de olho! Tem muita gente irresponsável acordada, viu?”

“Já que há mundos mais evoluídos, porquê eu tive que nascer justo neste?”

“Será que Deus patenteou essa idéia de manicômio redondo?”

“O urgente nunca deixa tempo para o importante.”

E a melhor de todas…

“Justo a mim coube ser eu!”

 

Por: Agrado

Anúncios